A minha vida num Psi...

Outubro 03 2008

Nas minhas entranhas corria um rio de sangue de feridas ainda por sarar. Feridas tão antigas como o ano... mas dolorosas.

Não fui corajosa o suficiente para correr e buscar o sarativo necessário ao meu bem estar, à minha certeza de lutar por aquilo que quero.

E será que realmente quero?

Nem sei... escolhi um padrão de incerteza para me proteger da dor mental, da dor de amor, da dor de ter dado o meu amor a outros e no final não receber aquilo que eu considero ser suficiente para mim.

Mas será que os outros serão capazes de o dar? Terão esse todo que eu desejo, tão disponível? E se tiverem?... será que algum dia será suficiente para mim?

Nunca... Culpo os outros por aquilo que exijo e não por aquilo que honestamente os outros querem e me podem dar... o que eu dou reflecte apenas o que desejo receber. Egoismo! Narcisismo?

Ah, pois é! A malta não dá porque é bondosa, mas porque também quer receber!

E porque não? Vamos honestamente falar!

É exactamente a isto que se designa por partilha... dar e receber.

Agora que debitei no blog (nem sei bem o quê, nem sei se tenho coragem de reler) sinto-me melhor.

Tenho de mudar o meu padrão, mas é tão dificil!

Mas, hoje não estou bem!

Publicado por Larissa às 17:43

Ohhh amiga espero que já estejas melhor... Já passou já?
Beijinho grande!
Saяa a 4 de Outubro de 2008 às 12:12

Oi, Larissa.
Eu não disse que tinha um jeito muito peculiar de escrever, principalmente sobre você mesma?
A forma como coloca as coisas é muito interessante porque não desrespeita a si e nem aos outros. Não vai aqui nenhuma proposta analítica. Não tenho nada a ver com essa área. Sou publicitário. Mas gosto de conhecer as pessoas e penso que acerto um pouquinho até, a partir de dar uma boa olhada no que elas escrevem, como elas escrevem. Isso é interessante (pelos menos, pra mim) de reparar. Acho que mesmo sendo um pouco rabugenta quando reclama de si (sem ser pejorativo, é claro!) você é eloquente. E isso é muito legal. Principalmente porque você sabe, tem consciência de que todos têm o direito de ter seus dias ruins.
Assumir que tem que mudar, constantemente, principalmente no mundo atual, é muito difícil, principalmente assumir isso num blog, quando nunca saberemos quem o está lendo ou de que forma vão se pronunciar a respeito do que escrevemos. E você assume. Com toda a coragem. Só isso, já faz com que esteja mudando. Parabéns!
Um abraço do Marco.
:o)
propagandaearte a 30 de Outubro de 2008 às 14:14

O Marco é um querido...de facto assumi o meu humor... mas acho que isso poderá ser uma forma honesta de me expor . Assim procuro que me conheçam bem, e que nunca criem falsas expectativas de mim. E respeitar-me assim é também respeitar os outros como eles são... Gostamos dos outros como eles são, mas depois queremos modificá-los, e consequentemente eles deixam de ser quem amámos, mas sim umas pessoas que criámos e que, eventualmente deixaremos de amar.
Sou uma forte adepta do respeito humano e da honestidade. Há poucas coisas que gosto, mas o respeito é um dos afectos que gosto mais.
Bem... o que eu gosto mesmo é das pessoas e das relações que temos todos uns com os outros.
:)
Larissa a 30 de Outubro de 2008 às 16:32

Oi, Larissa.
Sou eu de novo. Estive dando uma olhada no site do GRUPO LOBO, que está na sua área de interesses e gostaria de saber se conhece alguém de lá. Como disse, sou publicitário (tenho uma agência chamada TRADE, aqui em Copacabana, no Rio de Janeiro - www.tradeagencia.com ) e inclusive faço toda a comunicação da FOCINHOS & BIGODES (não sei se conhece) - http://focinhosebigodes.blogs.sapo.pt
Penso que, se fosse de interesse deles, eu poderia desenvolver as peças publicitárias que necessitassem (sem nenhum custo, é óbvio; apenas como voluntário).
Se puder me indicar alguém que conheça lá, agradeço. Sou bastante simpático a causas que defendam os animais e quanto mais pudermos fazer por eles, melhor.
Obrigado e um abraço do Marco.
propagandaearte a 30 de Outubro de 2008 às 14:44

O modo como eu vejo o mundo... Tão condicionado como o de qualquer outra pessoa.
Pesquisar neste blog
 
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
16
17
18

19
20
23
24
25

27
29
31