A minha vida num Psi...

Janeiro 31 2009

"Parabéns amiga!" Disse eu feliz da vida por estar a falar com a Amália. "Obrigada querida.". "Fazes 25 não é"?  "É". "És uma teenager". "Dizes isso todos os anos." Ops! Engoli em seco!

"Serás sempre a minha menina, mesmo quando tiveres 60 anos vais sempre ser a minha menina". "Eu sei"!

 

Foi parte do meu telefonema à Amália. E dissemos tudo e tanto! Apercebi-me que nunca queria deixá-la crescer... queria que ela continuasse a depender de mim... Que eu fosse a sua guia e mentora. Mas ela Cresceu e disse-me que já era uma mulher adulta que queria ser tratada como mulher crescida... que queria que eu parasse de a infantilizar... que eu acreditasse que, mesmo com erros da minha parte ou da parte dela, que ela ia tentar fazer as coisas de uma forma adulta e saudável para ela própria e para a relação dela com os restantes elementos da sociedade (inclusivé comigo!)... Mas que apesar de tudo me amava e que queria continuar a deixar que eu a amasse de volta.

 

Com ela aprendi que dizer, pela boca fora, as palavras certas sobre o que sinto não faz mal. Antes pelo contrário, deixou-me um espaço preenchido de coisas boas quando no seu lugar estava e dúvida e o desejo de dizer ao outro o que sentia por ele. Ela ensinou-me que dizer amor quando se quer dizer amor, que dizer paixão ou ódio quando se sente isso mesmo, que dizer prazer ou saudade quando é intenso esse prazer ou essa saudade, é partilhar e deixar fluir a relação entre mim e os outros com honestidade e sem espaço para conflitos ou dúvidas, mesmo quando mais tarde esses sentimentos se esvanecem.

 

Pensando nisto pergunto-me... quem é a "teenager" da nossa relação? Ela de 25 anitos ou eu no meu altar de "trintageer"?

 

Obrigada meu amor!

Publicado por Larissa às 16:41

Parabens à Malita!!!!
Que sorte para ela e outros tantos te ter nas nossas vidas!
Que do teu altar trintager continues a olhar por nós...
Um beijo ás mulheres da minha vida
tufo a 1 de Fevereiro de 2009 às 20:29

É um estado de espirito, eu sou teenager e tenho 103 anos, portanto toda a gente para mim, sao putos :)
Bruno Fehr a 2 de Fevereiro de 2009 às 04:20

Ô, Larissa!
A teenager é vc; sem dúvida.
Só que com muito mais experiência. ;o)
Beijo!
Marco.
propagandaearte a 2 de Fevereiro de 2009 às 17:53

lololol
Sem dúvida alguma!
Um beijo e obrigada.
Larissa a 2 de Fevereiro de 2009 às 18:22

O modo como eu vejo o mundo... Tão condicionado como o de qualquer outra pessoa.
Pesquisar neste blog
 
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23

25
26
28
29
30